terça-feira, 7 julho, 2015

Como entender o Amor? Confira.

Drika Leão

Literatura sobre o AMOR, não falta. Mas só amando para entender do que se trata o assunto.

O amor é a unidade básica da vida. E ainda assim a gente não entende esse amor, que chega de mansinho tomando conta da gente.

Ler sobre o amor, ler sobre amores vividos, experimentados, sofridos, deixados, separados, amores felizes, amores dançados, sambados, amores roubados, amores passageiros, ler sobre o amor nos inspira, mas não nos ensina. O amor é simples, no entanto, os outros sentimentos que acompanham uma relação fazem desta simplicidade, uma dificuldade.

Para entender sobre o amor, só amando!

E para quem não sabe, o amor tem linguagens diferentes, e aí está o desafio de amar,

entender

entender a linguagem que o ser amado utiliza, entender a linguagem que eu utilizo, quando o amor chega… Que linguagens são essas?

São várias as linguagens do amor, e eu não sabia, até ler o livro “As Cinco Linguagens do Amor”. Irei falar sobre elas em posts futuros.

LEIA TAMBÉM: Dicas para o amor chegar.

O que é o amor?

o.que.e.o.amor

Segundo o filósofo e escritor Milton Mayeroff, o “AMOR é a promoção abnegada do crescimento do outro”.

Para quem não sabe 🙂 ABNEGADA = Que não age por interesse.

Existe ex amor? ” Ex amor, gostaria que tu soubesse o quanto eu sofri ao ter que me afastar de ti…” Quantas vezes amamos? Quantas vezes “desamamos”? Não acredito que exista ex amor, para mim, existem três situações:

1- O ser amado, muda tanto e passa a ser bem diferente daquela pessoa que amamos um dia, é quase um luto. A morte de uma pessoa que vive.

2- Amamos uma situação e não uma pessoa.

3- A transmutação do amor. Ele se transforma, mas continua ali, porém temos a capacidade de acumular e amar mais, amar de jeitos diferentes, assim são as linguagens do amor.

E pode ser que haja mais situações que ainda não vivi, não pensei, mas existem.

Neste processo de aprender a amar, como em qualquer outro, cometemos erros, erramos conosco, erramos com o outro e assim o sentimento vai se aperfeiçoando e o amor amadurecendo. Erros existem, mas acertos também. Vamos com calma, sem exigir demais e sem esperar demais. Só assim o amor acontece!

Hoje, quis pensar sobre este sentimento tão natural do ser humano e tão nobre, mas tão economizado nas nossas relações. Falta amor e faltam manifestações do amor.

Lembre-se, viver Com Amor é Melhor!

LEIA TAMBÉM: Quando ele diz “EU TE AMO”, no terceiro encontro.

Para quem gosta de ler e refletir sobre este sentimento nas relações pessoais, sociais e profissionais… Indico.indico

????????????????????

Recebi uma mensagem nesta semana, em que me denominava “autoridade” no assunto, quem sou eu para saber tudo sobre o AMOR!

Somos amantes aprendizes, meu querido sambista!

Quero saber mais, entender mais e viver mais, e para isso, só deixando o AMOR entrar!

#ficaadrika

  ♥♥

INSCREVA-SE NO BLOG e acompanhe tudo sobre relacionamento e intimidade aqui no blog!

REDES SOCIAIS


Drika Leão

21 comentários sobre “Como entender o Amor? Confira.

  1. Acho que um amor puro, recíproco e verdadeiro nunca acaba, ele pode, como diz no texto, mudar de forma. Também acho que só quem ama pode – ou não – entender esse sentimento que é lindo maravilhoso. Eu só descobri o amor em si quando ganhei um sobrinho e posso dizer que é maravilhoso amar e se sentir amado. #ComAmorÉMelhor

  2. Nossa, foi profundo esta leitura!!! Acredito eu que eu deva me permitir mais, ter mais tempo para o cuidar mais, dar mais atenção para receber!!!
    Tocar mais, beijar mais….

  3. Drika, estou tão confusa. Acredito que estou vivendo está fase de luto. Meu amor morreu. Está doendo. Ter que deixar ir embora por falta de compatibilidade ou de cumplicidade. Saber que os dois estamos sofrendo. Mas que fiz de tudo que estava ao meu alcance para salvar este amor. Mas preciso viver de novo. Estou sufocada. De certa forma uma mistura de dor, medo e alívio. Depois não sei. Mas ja amei assim antes uma vez. Então acredito que a gente ama sim. Mas de formas diferentes.

  4. Creio que não exista ex amor. Existe um amor novo em cada relacionamento e ele acaba por ficar guardado quando se realmente não podemos levar a frente o relacionamento que estava. Existem formas diferentes de se querer bem alguém e dela noa querer. O que sempre levar em consideração é a forma de rrspeitar o espaço do parceiro, entender seus questionamentos, Não ser egoísta com o desejo do outro.

  5. O amor é um sentimento de carinho, demonstração de afeto que desenvolve entre seres que possuem a capacidade e o interesse de o demonstrar. Geralmente o amor motiva a necessidade de proteção e pode se manifestar de diversas formas, como o amor materno, paterno, amor entre irmãos, amigos, amor pelos animais, amor platônico, amor físico, amor a vida, amor pela a natureza, amor PRÓPRIO. Porem, acredito que cada um tem uma forma de demonstrar esse amor, cada com sua personalidade, e sem contar com a experiência e traumas de amores passados que muitas vezes com o tempo nos deixa mais maduros e pés no chão a ponto de conseguir controlar e dosar conforme sentimos segurança, uns demonstrarão mais, outros menos, o importante é que seja demonstrado tanto com palavras, quanto com atitudes.
    O importante é nos permitirmos ao amor, independente do que tenhamos passado, e sabermos distinguir o que é amor, o que realmente esta sentindo, muitas pessoas confundem amor, com comodidade, um simples afeto, que foge do amor.

Deixe uma resposta

Preliminares

Aguarde! Em breve você conhecerá uma loja que vai mudar todos os seus conceitos.

Aguarde
Já se inscreveu no Blog da Drika?
Ou se inscreva usando
INSCREVA-SE AGORA GRATUITAMENTE
E tenha acesso ao espaço vip com conteúdos exclusivos, promoções e sorteios especiais para turbinar seu relacionamento!
Seu e-mail não será divulgado para nenhuma empresa ou organização.
Ou inscreva-se usando: